Alice Valente Alves


– 2008_UBI

 

 

30 ABRIL a 29JUNHO 2008

 

EXPOSIÇÃO e APRESENTAÇÃO das 9 Obras em díptico do traço:verde-oliva, a 7ª cor das nove cores do projecto «CORPOtraçoCORPO – a poesia e a pintura» de Alice Valente.

A INAUGURAÇÃO | 30 Abril | 4ª feira | 18h30 | contou com a presença:

  • Reitor da Universidade da Beira Interior, Prof. Doutor Manuel José dos Santos Silva, que fez a Abertura inaugural.
  • Presidente do Centro Nacional Cultura, Prof. Doutor Guilherme D’Oliveira Martins, que se pronunciou sobre o CNC e o projecto de poesia e pintura de Alice Valente
  • Directora Museu Lanifícios da Universidade Beira Interior, Dra. Elisa Pinheiro, que falou sobre a importância do azeite na lã.
  • Presidente e Ex-Presidente do Núcleo de Estudantes de Filosofia da UBI, respectivamente Joana Tarana e Guilherme Leitão, que aludiram ao convite e presença do projecto CORPOtraçoCORPO na UBI.
  • Director do Curso de Filosofia do Departamento de Comunicação e Artes da UBI, Prof. Doutor José Rosa, que falou sobre a «santidade da matéria»

LOCAL DA EXPOSIÇÃO: Galeria de Exposições do Museu de Lanifícios da Universidade da Beira Interior / Núcleo da Real Casa de Panos – Rua Marquês d’Ávila e Bolama – COVILHÃ

HORÁRIO DA EXPOSIÇÃO: Terça a Domingo, das 9h30 às 18h00

 

 

 

 

ACÇÃO: Sexto-Empírico – Núcleo de Filosofia da Universidade Beira Interior

ACTIVIDADES:

CONFERÊNCIAS | EXPOSIÇÕES | ENCONTROS | CONCERTOS

WORKSHOPS | VISITAS-GUIADAS | ESCOLAS | ATELIERS | …

 


TEXTO DE DIVULGAÇÃO DO PROJECTO E EXPOSIÇÃO NA UBI

Inaugurará a 30 de Abril de 2008 na Universidade da Beira Interior, cidade da Covilhã, a 7ª cor das nove cores do projecto «CORPOtraçoCORPO – a poesia e a pintura» de Alice Valente. Este projecto tem o apoio do Centro Nacional de Cultura.

CORPOtraçoCORPO é um projecto multidisciplinar iniciado no ano de 2003 e que articula poesia com pintura, assinadas pela mesma artista. O projecto pictórico final integra 9 séries de pintura, cada qual, subordinada a uma cor, com 9 telas em díptico. Após as 9 séries expostas, está previsto uma EXPOSIÇÃO FINAL com a presença das 81 OBRAS aquando do Lançamento do LIVRO com o mesmo nome do projecto e que irá conter 81 poemas ilustrados com as 81 obras e, em que a cada obra em seu título irá corresponder um poema com o mesmo título.

O traço: Vermelho estreou-se como a cor primeira e Vital na assinatura do CORPOtraçoCORPO

O traço: Castanho-Terra surgiu como a segunda cor do Movimento do projecto…

O traço: Água-azul-céu, 3ª e 4ª cor, criadas na horizontalidade… os azuis em sua Força espelham-se diluindo-se numa única cor…

O traço: Laranja-Lima, 5ª e 6ª cor, mais duas cores conjuntas em que os 9 dipticos do traço laranja e os 9 dipticos do traço limão apresentados na verticalidade, lado a lado, Alimento-vida, referenciam a importância do alimento da vida com o alimento na vida, doce e ácido, respectivamente na cor da laranja e na cor do limão.

Até ao momento, foram já expostas e apresentadas 6 das 9 cores: vermelho, castanho, água-azul-céu e laranja-lima. O traço:verde-oliva, a 7ª das nove cores será a próxima cor a ser apresentada, seguir-se-lhe-á o traço:verde. E o traço:cor de pele encerrará o ciclo das 9 cores.

Convidada pelo Núcleo de Estudantes de Filosofia da Universidade da Beira Interior, para fazer a mostra de um dos seus trabalhos. E porque assentes na concepção de um pensamento artístico-filosófico e desenvolvidos através de projectos no âmbito da criação artística, a autora escolheu fazer a apresentação do «traço:verde-oliva», a 7ª cor das nove cores do seu projecto «CORPOtraçoCORPO – a poesia e a pintura», em que para além das características da cor e em seu projecto, enquanto precisa em inteireza e Verdade, AliceValente irá relacioná-la neste espaço exposicional com a importância do azeite na lã, em que para amaciar e alisar a lã, esta era colocada ou ensopada, durante dias, em talhas ou potes de barro com azeite.

E será no dia 30 de Abril no Museu de Lanifícios da UBI na cidade da Covilhã que inaugurará mais uma exposição de pintura deste projecto e que contará com a presença de várias personalidades e acções e que irão ser divulgadas em breve.

 

 

 


«verde-oliva» e a importância do azeite na lã

Artesanalmente as ovelhas eram tosquiadas com uma tesoura própria após serem apanhadas e presas as patas. Este trabalho decorria durante os meses de Abril e Maio.
A lã era lavada na ribeira. E perto fazia-se uma fogueira, onde se punha uma panela para escaldar a lã em água a ferver. De seguida colocava-se a lã num cesto, para novamente na água corrente da ribeira e agitando a cesta pudesse sair toda a goma da lã.
Após secar nos juncos ou pedras da ribeira, a lã era batida ou varejada com paus, para depois ser separada.
A seguir, a lã ensopava-se em azeite ou seja, a lã era colocada em talhas de barro com azeite e onde permanecia durante vários dias, para ficar mais macia .
Depois de ser retirada das talhas de barro com azeite, era colocada a repousar em cestas, durante mais uns dias.
De seguida a lã estaria assim pronta, para ser cardada pelo cardador que o fazia com um utensílio de madeira e pregos.
Separada em pesagens de meio quilo, a lã amolecida e alisada pelo azeite, e já cardada, era enrolada em fusos pela fiadeira.
E para fazer os novelos, lavavam-se primeiro as meadas de lã, na água da ribeira com uma mistura de sabão e água. Após a lavagem, o enxaguar e a secagem nas pedras da ribeira, iam à dobadeira para a apresentação final em meadas ou novelos.

ALICE VALENTE


>>> «poesia e pintura« : UBI – CORPOtraçoCORPO (divulgação)

 

DOC’S_DIVULGAÇÃO:

>>> Doc.pdf_ CONVITE_traço:verde-oliva_CORPOtracoCORPO_UBI
>>> Doc.img_banner_verde-oliva_CORPOtraçoCORPO_UBI
>>> Doc.pdf_Workshop_27Maio2008_CORPO-traço:FOTOGRAFIA
Clique nas imagens para ampliar

 

 

 

Programação de MAIO a JULHO 2008
UBI – CORPOtraçoCORPO

Dia 7 a 9 Maio – EXPOSIÇÃO Bonsai e Apresentação Estética Oriental – Márcio Meruje (Filosofia UBI)

17 e 18 Maio – Noite dos Museus e dia dos Museus

Lançamento do Livro de João Lemos (Filosofia UBI), o «estupor», drama ficcionado.

27 Maio – WORKSHOP de Interpretação da Fotografia – Prof. Frederico Lopes e Alice Valente (divulgação)

*

VISITAS GUIADAS pela autora através de marcação: 963638473 – 213830251


Anúncios







%d bloggers like this: